Roupas usadas? Brechó? 4 dicas para você não se arrepender da compra

Moda

Falar sobre roupas usadas é algo desafiador! Sobre brechós então, mais ainda!

Digo isso, pois ainda são poucas as pessoas que se dispõe a conhecerem e buscarem peças usadas nesses lugares!

Eu, particularmente, até entendo, pois os motivos que levam as meninas a torcerem o nariz para roupas usadas são os mesmos motivos pelos quais eu já desisti, em algum momento, de procurar peças nos brechós.

Lugares bagunçados, peças feias ou mal cuidadas, fora o cheiro não é mesmo? Com tanto pó, se você não tiver rinite, provavelmente passará a ter, rsrs!

No entanto isso mudou muito ao longo dos anos. Os brechós foram adquirindo um conceito de boutique, e as roupas usadas deixaram de ser usadas.

Muitos, vendem roupas novas e de marcas renomadas! Alguns, inclusive costumam trazer roupas de outros países.

Além disso, se for roupa usadas, muitas das peças foram usadas apenas uma vez e estão em excelentes estado!

Por isso, esse é um preconceito que adquirimos, mas que precisamos deixar de lado e explorar mais esses lugares. Peças diferentes e atemporais, muitas de qualidade com grande durabilidade, peças da moda de grandes marcas que estão novas e preços bem mais acessíveis.

Porém, existem algumas dicas que são importantes, se você quer arriscar nessa empreitada das “roupas usadas” e não se decepcionar!

Roupas usadas: 4 dicas para não se arrepender da compra

1. Frequência

Se você tem apenas alguns minutos e resolveu passar no brechó, talvez você tenha sorte de conseguir garimpar algo, mas talvez não!

Sempre estão chegando peças “novas” nesses lugares. E você nunca sabe quando o calçado do seu número, ou aquela peça perfeita para seu corpo chegará.

Por isso, quanto mais você visitar, mais provavelmente você encontrará algo!

2. Acessórios e Calçados

Quando entramos nesses lugares pensamos apenas nas roupas, não é? No entanto, deveríamos olhar mais para os calçados e acessórios!

Normalmente nesses brechós há brincos, colares, cintos e sapatos incríveis!

E nós sabemos o quanto esses detalhes completam e possuem o poder de mudar totalmente um look. Então, não deixe não foque apenas nas “roupas usadas”. Olhe essa parte também!

3. Tenha a mente aberta

Já falei algumas vezes aqui que para moda é preciso você ter a mente aberta!

Claro que existem aquelas mulheres que são mais clássicas e básicas, mas mesmo para vocês sempre podemos incrementar o look com pouco e deixá-lo ainda mais legal.

No entanto, se você está disposta a visitar os brechós, você precisa ter em mente que encontrará peças diferenciadas e que podem ser perfeitas com outras peças do seu closet.

4. Não compre por comprar

Ok, não é por ser mais barato que compraremos qualquer coisa!

A dica é para você fugir peças específicas, mas buscar peças que possa usar em diversas ocasiões, e ainda combinar com as peças que você já possui! Ou seja, uma compra consciente!

Para mim, essas é uma das dicas mais importantes, para não nos arrependermos posteriormente ou ficar com aquela peça encostada sem usarmos.

Atualmente já existem vários brechós online. Porém, eu acho que vale uma visita aos físicos também.

Acredite, ainda tem muitas pessoas que têm receio de fazer tudo pela internet, ou simplesmente não gostam, e acabam visitando diretamente esses lugares para venderem suas peças.

Se você ainda tem dúvidas sobre ir e investir em peças de brechós ou bazares de roupas usadas, lembre-se que a inspiração da série Girlboss começou assim.

Se você não assistiu ainda essa série, assista. O que era uma peça para si mesma, virou um grande negócio!

Sei que até eu me animei a ir visitar alguns, rsrs! Que tal? Vamos?

comente!
voltar-top
Todos os Direitos
Reservados © 2016 TODA FEITA