Ácido azelaico e os benefícios contra acne e melasma

Beleza

Os ácidos são eficazes, principalmente, no combate a acne, manchas ou rugas. Fato! E um deles é o ácido azelaico!

A grande maioria dos jovens sofre com a temida acne. Mas isso não é mais um privilégio deles, viu? Esse problema de pele atinge até os adultos!

Quantas pessoas você não conhece ou já conheceu que usaram o Roacutan?

Um remédio extremamente agressivo cuja base é o ácido isotretinoína!

Os efeitos são nítidos, mas a longo prazo o organismo sofrerá as consequências de um ácido forte como esse.

Considerando isso, o considerado “ácido do bem” – ácido azelaico – pode ser um aliado menos agressivo para sua pele e seu organismo!

Basicamente, o tipo mais comum da acne é aquele em que ocorre devido a superprodução de sebo na pele e concentração das células mortas nos folículos.

Isso gera uma obstrução na pele acumulando bactérias e, consequentemente, inflamações!

Alguns fatores contribuem para a piora da acne, como: hormônios, alguns tipos de medicamentos, e os alimentos que você consome.

A ingestão excessiva de lácteos, alimentos gordurosos, e carboidratos considerados “ruins” – pães, biscoitos – são alguns exemplos.

Existem muitos outros fatores que contribuem para o surgimento e piora das acnes, mas como o post hoje é sobre esse conhecido “ácido do bem”, vamos explorar melhor esse tópico!

Ácido Azelaico: conheça os benefícios desse ácido

O ácido azelaico é um ativo que possui ação antibacteriana, antioxidante, e comedolítica!

Oi? Comedolítica? O que isso significa?

Bem, isso significa que o ácido azelaico é capaz de destruir os cravos formados na pele!

No melasma, esse ativo é eficaz, pois não atua no pigmento normal da pele, mas apenas quando há excesso de pigmentação.

Dessa forma, o ácido azelaico inibe a produção de uma enzima chamada tirosinase, a qual atua estimulando o processo de produção de melanina.

Até contras as rosáceas o ácido azelaico pode ser um bom aliado!

No entanto, um dos efeitos do ácido azelaico é reduzir a espessura da epiderme, o que a longo prazo pode deixar sua pele desidratada.

Nesse sentido, aliar o ácido a um bom hidratante é super recomendado! No entanto, por ser medicamentoso, esse ativo é proibido em cosméticos!

Isso significa que esse ativo apenas poderá ser indicado por um dermatologista.

Particularmente, eu acho isso extremamente correto. Muitas vezes, seguimos receitas, conselhos, que até podem ter funcionado para a amiga, vizinha, ou tia. Mas, cada organismo é único, e talvez com você a receita deva ser outra.

Além disso, se tratando de acne e a diversidade de fatores que influenciam, o seu histórico de vida, estilo atual, alimentação, entre outros fatores, são essenciais para o tratamento correto.

Além de, claro, avaliar o tipo e estágio da sua acne, melasma, ou rosácea!

Então, se você sofre de algum desses males da pele, ou já faz algum tratamento com outro tipo de ácido, converse com seu médico a respeito desse ativo.

Quem sabe esse ácido não ajuda ainda mais em seu tratamento!

comente!
voltar-top
Todos os Direitos
Reservados © 2016 TODA FEITA